terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

seu Dotô e dona Patroa

Tentei pensar num texto com palavras escolhidas para contar este episódio, mas não consegui. Vou contá-lo do jeito que foi.

Casal em uma praia nordestina, num dia lindo de sol, de férias. Marido chama o moço da barraca e pede uma cerveja.
- Claro, Dotô!
A mulher, se rindo toda, tira uma casquinha:
- Você é sempre dotô, né, no Rio e aqui também! Tá se sentindo importante e chique, não?
O homem ri junto e abre um sorriso.
Quando o moço volta com a cervejinha, a mulher pede uma água de coco.
- Saindo um coco pra patroa!!! - grita o moço pra praia (e o nordeste todo) ouvir.

É... marido é dotô e mulher é patroa...

5 comentários:

JUJU e LELÊ Artesanatos disse...

kakakakakaka.... essa é muito boa!!!
E pensar que é sempre assim mesmo..
Bjs
Lelê
http://jlartesanatos.blogspot.com

Lu Picoral disse...

Meu irmão (que é dotô de verdade) sempre fica de cara quando sai com meu pai - porque aí, nesse caso, meu pai é que é o dotô, né?

Como diz meu pai "viu só? tanto estudo... e eu, que nem faculdade fiz, é que sou conhecido por doutor"

harumi disse...

oioi, lelê! benvinda!

oioi, lu! é bem isso mesmo! a ironia das coisas, né? rsrs. bjks.

Claudia Liechavicius disse...

Oi Harumi.
Vim retribuir sua visita e até entrei como sua seguidora. Muito bacana seu blog.
Bjs
Claudia
www.viajarpelomundo.com

harumi disse...

:-)